RSS

Arquivo da Categoria: Saúde Mental no trabalho

As melhores festas possíveis.

🎄🎅 O Natal e o ano novo, são épocas de balanços e de conexões. Para algumas pessoas são alturas de bem-estar, de relaxamento e bonitas. Para outras são alturas difíceis, de solidão ou de confrontos emocionais. Para outras são uma mistura disto tudo, nada há que seja “a preto e branco”.

Há muito tempo que não desejo boas festas aos meus pacientes. Digo-lhes apenas “as melhores festas possíveis”.

Tentar aproveitar o que há de bom, reconhecendo as coisas menos boas e sendo simpáticos para nós mesmos (não tentando estar “bem à força” porque é “suposto” estarmos felizes nesta altura do ano).

E era isto que vos queria deixar neste espaço virtual. Desejos de as melhoras festas possíveis.

Abraços

Diogo Guerreiro

 

Etiquetas: , , ,

Entrevista RTP: Ansiedade e depressão

📺 Partilho convosco a entrevista que dei, há algumas semanas, no programa “Portugal em direto”: sobre ansiedade, depressão e focando o meu livro 📕 “E quando não está tudo bem? Como (re)conhecer e agir na ansiedade e na depressão”. 💪🧠

Diogo Guerreiro, RTP Portugal em Direto (Novembro 2022)

Espero que gostem e seja útil.
Obrigado e boa semana. 🙏

Abraços

Diogo Guerreiro

 

Etiquetas: , , , , , ,

E que tal um livro no natal?

Eu, pessoalmente, adoro receber livros: romances, ensaios, BD, divulgação científica, tanto faz! É tão bom o cheiro de um livro novo (e não me venham dizer que num tablet é a mesma coisa 🧐)!

🎄📚”E quando não está tudo bem? Como (re)conhecer e agir na ansiedade e na depressão”, está quase a fazer um ano desde o seu lançamento. 🎉🥳

Porque o saber não ocupa lugar e sem saúde mental não há saúde.

👉 Pode encontrar numa livraria perto de si, on-line ou em ego editora (ou noutras plataformas como a wook ou a Bertrand)

🙏 Mais uma vez agradeço a ótima recepção que este meu projeto tem tido, assim como todos os feedbacks e divulgação.

Abraços
Diogo Guerreiro

 

Etiquetas: , , , , ,

Férias são fundamentais para a saúde (mental e física).

Estou a alguns dias das minhas férias 😎. E bem que estou a precisar! Quantos de nós já estão a “andar na reserva” nesta altura do ano?

O trabalho é importante, mas igualmente importantes são os momentos de pausa. Mais uma vez, se não estivermos bem connosco não estamos bem para os outros. Quando estamos cansados o nosso rendimento e capacidade cognitiva ficam muito aquém do ideal.

No meu caso, é sempre complicado gerir as agendas e as urgências que surgem em qualquer altura. Claro que planeio, aviso os meus pacientes, tenho alguns colegas para me substituírem. Mas, em alguns casos será um inconveniente (que lamento, embora não possa fazer nada a esse respeito).

Naturalmente, as pessoas gostariam que os médicos fossem “super-homens” (ou “super-mulheres”), que estivéssemos sempre disponíveis, que não precisássemos de férias ou que nunca estivéssemos doentes… só que não somos assim. 😉 somos simplesmente humanos.

Assim sendo estarei mais indisponível durante uns tempos, para depois regressar em força, descansado e com toda a capacidade de continuar a fazer o meu trabalho, com a qualidade e o gosto que quero manter. 👌🏻

Estarei também mais desligado das redes sociais (onde também devemos por pausas de vez em quando).

Aproveito para desejar a todos umas boas férias, se for caso disso (espero que sim 😊). E quem não tiver férias aproveite este sol, e as nossas paisagens, pratique autocuidado, socialize… trate bem de si!

Abraços e Obrigado por estarem aí. 😎🙏💪🧠

DG

 

Etiquetas: , ,

O psiquiatra e o barbeiro

Convido-vos a ler o mais recente artigo que escrevi:

https://visao.sapo.pt/opiniao/ponto-de-vista/2022-06-03-o-psiquiatra-e-o-barbeiro/?amp

Abraços e bom fim‑de‑semana

Diogo Guerreiro

 

Etiquetas: , , , ,

Save the date: 4/Junho, 11h

🗓 No próximo sábado estarei na festa do livro de Belém, dia 4/Junho, pelas 11h (para começar bem o dia), com a Carmen Garcia (aka @maeimperfeita), numa conversa sobre Saúde Mental 🧠 e Imperfeições! 😅

👉 Vai ser, com certeza, um momento bem divertido e, talvez, se fale de um ou outro assunto mais sério.

Vamos ver o que acontece quando se junta uma mãe (e enfermeira) 🧑‍⚕️imperfeita a um psiquiatra (e pai) 👨‍⚕️imperfeito. Está-se mesmo a ver: uma coisa mesmo “mal-amanhada”. Mas, na realidade, até que pode correr bem (ou não)… mas nada como estar lá para ver! 😉

E, claro, estarei disponível para dedicatórias e autógrafos do meu livro: “E quando não está tudo bem? Como (re)conhecer e agir na ansiedade e na depressão”. ✍️

Para além disso, os Jardins do Palácio de Belém são lindos e já tínhamos saudades desta iniciativa do nosso presidente Marcelo Rebelo de Sousa. 🇵🇹👍 (desde 2019 que, devido à pandemia, não tínhamos esta oportunidade de lá celebrar a cultura e os livros)!

Encontro-vos lá?

Abraços

Diogo Guerreiro

 

Etiquetas: , , , , , , ,

É tão bom ver o livro que escrevi a fazer o seu caminho…

De vez em quando ele encontra-se comigo, ou eu com ele, numa livraria, numa conversa, num paciente que me pede para o assinar. São momentos em que sinto imensa gratidão por ter tido esta oportunidade e pela recepção tão positiva que tem tido.

É cada vez mais importante que se fale abertamente sobre saúde mental, sobre as alturas em que não está tudo bem, em como podemos prevenir ficar doentes e como ser ajudados de forma eficaz. Acho que este livro é um pequeno contributo para esta abertura, para a discussão aberta de saúde e doença mental e para a quebra de estigmas e preconceitos.

👉 Se já leram, enviem as vossas opiniões, digam se foi útil. Nestas coisas dos livros nacionais é muito importante (e difícil) a divulgação, por isso fico-vos grato se o avaliarem nas plataformas dos livreiros (wook, Fnac, Bertrand, etc.) ou no Goodreads.

Conto convosco para chegar à 3a edição e estarmos todos cada vez mais à vontade e atentos para estes temas. Porque isto da depressão e ansiedade não são situações raras, pelo contrário!

Não há saúde sem saúde mental. 🧠💪

Abraços 🙏

Diogo Guerreiro

📖 “E quando não está tudo bem? Como (re)conhecer e agir na ansiedade e na depressão”, publicado em Dezembro de 2021 pela Ego Editora. Com prefácio do Professor Daniel Sampaio e ilustrações do Luís Santos.

 

Etiquetas: , , , , ,

E quando não está tudo bem, 2a edição

O meu livro “E quando não está tudo bem: como (re)conhecer e agir na ansiedade e depressão” já está na sua segunda edição!

Parece que esta boa recepção traduz a necessidade de compreenderemos o que é isto de estar ansioso ou deprimido e, sobretudo, de como reagir perante estas situações, assim como encontrar formas de prevenir e de saber como lidar.

Fico contente com este sucesso e com o facto de poder ajudar as inúmeras pessoas que contactam com estes problemas.

Estou grato por ter tido esta oportunidade!

Um bem haja a todos!

Abraços

Diogo Guerreiro

 

Etiquetas: , , , ,

Por mais que gostasse não me consigo multiplicar.

Sei que as minhas consultas de psiquiatria estão a ter muita procura. Mas cheguei a um ponto que já tenho dificuldades em marcar os doentes que já tenho em seguimento… e isso não pode ser, pois tenho uma responsabilidade para com eles.

Por esta razão, tomei a decisão de limitar o acesso a pacientes de primeira vez, durante alguns meses. Não é fácil para mim, mas é a única maneira de conseguir manter-me bem para os pacientes que já sigo.

Existem inúmeros colegas meus de muita qualidade, também dedicados e empáticos. Não deixe de procurar ajuda quando dela precisa, mesmo que a sua primeira escolha não esteja disponível! A saúde mental merece toda a sua atenção.

Quando a minha lista estiver mais calma, claro que terei todo o gosto em receber pacientes novos. Mas até lá, porque sou apenas um ser humano com limitações, que para além de psiquiatra também é pai e marido, esta será a minha decisão temporária.

Abraços a todos

Diogo Guerreiro

 

Etiquetas: ,

Como ajudar alguém que está a passar por uma doença mental?

Aqui ficam algumas dicas importantes:

👉 Seja um bom ouvinte.

👉 Incentive a ajuda profissional.

👉 Eduque-se sobre saúde e doença mental.

👉 Mantenha-se em contacto.

👉 Não se esqueça de tomar conta de si.

👉 Seja paciente.

👉 Motive a manutenção do tratamento.

👉 Ofereça ajuda em algumas rotinas.

👉 Leve (muito) a sério as ameaças de suicídio.

Não deve fazer os seguintes:

✖️ Evite julgamentos

✖️ Não minimize o que o outro está a passar.

✖️ Não leve as coisas a peito.

✖️ Não tente “tratar” a pessoa.

✖️ Não tente apressar o processo.

Abraços

Diogo Guerreiro

PS: Poderá aprofundar este e outros temas no livro “E quando não está tudo bem?”

#saudementalimporta #depressão #ansiedade #equandonaoestatudobem

 

Etiquetas: , , ,

 
%d bloggers gostam disto: